Arquivo da categoria: Falando pelos cotovelos

Faça agora

¨… A mensagem é simples: entre no corredor. Você nunca sabe que portas se abrirão no seu caminho.

Eu tenho um lema: ¨A ação sempre vence a inação¨.

As pessoas ricas saem em campo, acreditando que, uma vez dentro do jogo, podem tomar decisões inteligentes, no momento presente, fazer correção de rumo e ajustar as velas durante o percurso¨.

As pessoas de mentalidade pobre por não confiarem em si mesmas e nas suas aptidões, acreditam que precisam saber tudo de antemão, o que é praticamente impossível. Enquanto isso não fazem nada…¨

Os segredos da mente milionaria, T. Harv Eker, pag. 82Betânia Sampaio

Quando li este trecho me identifiquei, sempre gostei de experimentar, de arriscar, claro que quando fiquei adulta penso um pouco mais, considerei sempre que o mais importante era tentar, mesmo sendo extrovertida  as vezes é bem difícil, como a lei natural do universo é evoluir, não tenha medo de entra no corredor uma porta com certeza ira abrir.

Quanto mais opções se têm mais possibilidades das coisas dar certo.

Um exemplo: Patricia, uma amiga de infância, jornalista, claro que ela escreve super bem, e quando fomos dividir o blog Gate 4, senti-me insegura, mas pensei; Quantas oportunidade virão? Quantas pessoas vou conhecer? Quanto vou crescer?  Mesmo com minhas dificuldades e imperfeições, prefiro tentar. E hoje escrevo com mais naturalidade.

Não espere! você (nem eu) nunca vai saber de tudo.

É isso… Coloque seu barco no mar e vá ajustando as velas… Faça agora.

Betânia Sampaio

Anúncios

Como mudar?

¨…Nas grandes viradas, observe, costumamos trocar de amigos. Com quantos você ainda se relaciona da sua infância, juventude, escola, faculdade, primeiro, segundo empregos?

Dificilmente seus amigos anteriores serão de grande valia nessa nova personalidade que você terá que construir. Você precisará de conhecimentos novos, ambientes novos e novos modelos inspiradores.

Os que ficam são os essenciais, aqueles que transcendem o tempo por nos inspirarem com suas existências. Esses modelos, cultive-os sempre…¨

A Grande Virada, José Luiz Tejon, pagina 84

Estava tentando mudar, mas consegui a chave desta mudança, mudar não é só querer… Não é simples assim, não é um movimento só interno, não existe força de vontade que faça você mudar sem nenhum instrumento externo.

Precisamos de algumas ferramentas, de um caminho para essa mudança. O livro A grande virada foi este instrumento… Exatamente o que precisava, neste momento. Tejon diz que não mudamos nossa vida se não mudamos o que está ao nossas relações. Estava precisando mudar e não sabia como… Não que estivesse na ¨zona de conforto¨; muito pelo contrario, estava insatisfeita, incomodada e insegura e, neste momento, ter coragem de buscar novas relações e novos trabalhos faz a diferença. Hoje posso dizer que sei como se faz uma mudança. Betânia Sampaio

Betânia Sampaio

Falando pelos cotovelos

O que é ¨falando pelos cotovelos¨?

Resolvi criar um coluna especial, pensei em vários nomes… Mas me identifiquei com o titulo ¨falando pelos cotovelos¨, fui procurar a origem desta expressa e adorei, acho mesmo que tem mesmo a ver comigo, como uma boa nordestina adoro conversar e dar umas ¨catucadinhas¨ no meu interlocutor e vi que a expressão ¨falando pelos cotovelos¨ deu origem a catucadinha que a mulher dava no marido com o cotovelo. Amei isso!

Como surgiu o meu blog?

Umas das melhores coisa neste ¨mundo moderno¨ é o ¨blog¨, dei inicio ao meu blog Betânia Sampaio em fevereiro de 2010 a principio para divulgar meus acessórios. Abri um segundo blog Gate 4, com mais dois amigos um Publicitário e uma Jornalista que moram Estados unidos e Europa inclusive temos a mesma origem, Recife, em um ano tivemos mais de 1 milhão e meio de visitas. Infelizmente eles não puderam mais continuar o projeto.

Porque a proposta da coluna no blog?

Depois do Gate 4 resolvi dedicar-me mais ao meu blog e hoje post um pouco de tudo, dentro deste universo, ¨sempre tento separar¨, como se fosse possível uma setorização, mas eu tento…

Hoje dia 8 de novembro esta começando esta serie de mini- textos. Nela quero falar um pouco de coisas que li, aprendi e se possível aprofundar sobre as questões profissionais e claro dentro dos aspectos reais com seriedade sem ¨ser chato¨.  Afinal as coisas não se separam; profissional e pessoal, elas pode até num determinado momento ocuparem papeis diferentes mais a essência e sempre a mesma você.

Qual o meu Objetivo?

A troca de experiências profissionais, no universo de tantas obrigações infelizmente não dá pra ligar para os amigo/colegas e comentar sobre um livro, uma palestra, um seminário… Como eu falo pelos cotovelos, resolvi conversar com você por este canal e como …

eu gosto muito de conversar sobre qualquer assunto, com qualquer pessoa e a qualquer momento a ideia seria postagens curtas e diárias (de segunda a sexta) gostaria muito, muito que vc interagi-se comigo, comentando, opinando… Sugerindo. (pode até fazer um post que publico). Abçs. Betânia SampaioArquiteta Betânia Sampaio

Dia 8: Como mudar?

Dia 9: Faça agora.

Dia 12: O Produto é você

Dia 13: A lei do acaso

Dia 14: Você é necessário.

Dia 15: Aproxime-se de quem admira

Dia 16: Diferenças Profissionais: homem e mulher